Pesquisar este blog

terça-feira, 31 de março de 2009

Vanessa - Axé Moi 2009




Agora malhando com o Rafael!

Axé Moi 2009: Juliana




Vamos malhar no axe moi!!!!

EU sou fã do Stallone


Foto: site Ego.

Assisti todos os filmes dele, sou fã dos personagens que ele interpreta! Principalmente do Rocky Balboa. Desejo que esse seja mais um filme de sucesso.

Sylvester Stallone chega ao Brasil para gravar filme

Sylvester Stallone acenou para os fãs na chegada ao hotel Sofitel, em Copacabana, no Rio de Janeiro, nesta terça-feira.

O ator está no País para gravar cenas do filme Os Mercenários. A atriz brasileira Giselle Itié está no elenco do longa-metragem, substituindo Cléo Pires, que trocou a produção pela novela Caminho das Índias.

O ator esteve no Brasil em dezembro em busca de locação para as gravações e definiu que as cenas serão rodadas no Parque Lage, no Rio de Janeiro, e na cidade de Mangaratiba, que fica a 85km da capital fluminense.

O filme conta a história de um grupo de matadores que são contratados para exterminar um líder latino. Também rodam cenas no Brasil o astro chinês Jet Li e o inglês Jason Statham. Apesar de não vir para as gravações, o ator Arnold Schwarzenegger negocia sua participação no longa.

Fonte: Terra

Desapego

Desapego
:: Saul Brandalise Jr. ::

Já escrevi alguns textos sobre a mudança de nosso padrão vibratório, sobre a necessidade de moderação na boca, da importância de não deduzir, do estrago que o medo faz em nossas vidas, de como nos tornamos pequenos quando julgamos as atitudes das outras pessoas, sobre o conceito de cada um a respeito da decepção, mas até hoje não falei do óbvio: o DESAPEGO. Talvez porque o óbvio sempre nos passe despercebido...
Provavelmente este conceito, viver em desapego, é o mais importante quando queremos mudar de vida. Sempre ansiamos mudar, mas esquecemos de deixar para trás o que não nos serve mais. É tão importante e necessário, porém é um dos aspectos mais difíceis de ser aplicado.

Eu tinha uma posição equivocada sobre o que realmente significa desapego. Achava que tinha que me desfazer de tudo que era material e ficar pensando e me dedicando exclusivamente à parte espiritual. Errado. Isso é coisa de profeta, de quem ainda não percebeu que somos 50% humanos e 50% essência, ou espírito, como queiram. Espírito é o que somos, humanos é o que estamos.

Isso posto significa dizer que não se pode viver em extremos. Nem tanto desapego e nem muito apego. Desapego pode ser achar que a vida acontece por obra de um deus. Que cabe a ele nos permitir tudo e, portanto, que ele determina o que acontece conosco. Assim não precisamos lutar, podemos ficar sentados, ou em depressão, esperando que ele nos cure.
Errado.
Este deus é invenção de religiões que só buscam manipular a mente das pessoas.

O outro lado, o apego, é complicado também, porque passamos a viver para a matéria e com o dinheiro. Tudo em função dele e cada atitude para ele.
Já escrevi que o dinheiro tem uma velocidade desproporcional à nossa, quanto mais corremos atrás dele, mais veloz ele fica e permanece à nossa frente. Já descobri que ele é consequência de boa conduta, bons produtos e boas atitudes. Não se acumula dinheiro indo atrás dele a qualquer custo ou prejudicando concorrentes e empresas que atuam no mesmo ramo. Poderemos até obter alguns bons resultados, mas não ficaremos com ele. A forma de conseguir bens e sucesso é equivocada... O que está fora dos padrões vibratórios do Universo é efêmero.

Muitas pessoas querem mudar de vida, mudam até de cidade, mas continuam levando eles mesmos consigo. Mudar de vida não significa mudar de local de viver, significa vibrar em outra frequência, eliminar maus conceitos e substituí-los por outros mais adequados para cada um de nós. Isso é um evento individual e particular.

Portanto, realizar meu desapego significa dizer que me CENTRO. Tudo na vida é direcionado ao equilíbrio e depende da maneira como aplico os meus conceitos diariamente. A vida é Causa e Efeito. Faço e recebo de volta. Por isso que discuto muito com as pessoas acerca de um deus que faz tudo. Mas isso não é verdade. Somos nós, com nossas atitudes, os responsáveis pelas nossas colheitas. Algumas colheitas, principalmente as que não conseguimos entender, são os nossos karmas, vindos de vidas passadas e que precisamos aprender a aceitar para que eles sejam eliminados. Lutar contra eles significa prolongá-los em nossos dias.
Tudo o que mais se repete de desagradável, doloroso até, em nossas vidas, repito, é karma. Claro que esta regra tem exceções, mas é um grande indício para sabermos entender o que está acontecendo ao nosso redor. As pessoas são reencontros. Raros os que são novas amizades e relacionamentos desta vida. A maioria dos nossos familiares é karma. Resgate mesmo. E, para ficar tudo mais brando, existe o amor nas relações familiares. O Universo é muito sábio.

O apego pode ser entendido como matéria e carência. O desapego em sua plenitude é a falta de entendimento real do que estamos fazendo neste planeta. É desconhecermos que o processo evolutivo acontece vida após vida. Que cada signo tem, em seu bojo, um pouco do aprendizado que a essência precisa vivenciar. Passaremos por todos eles. Quer admitamos ou não. Aceitar isso como uma verdade torna o entendimento da vida mais fácil. Sem dogmas, sem contos que mais parecem de fadas, e sem temas e assuntos inexplicáveis.
Finalmente, o desapego significa o inicio de nossa liberdade. O fim de nossa prisão de valores e a oportunidade de nos tornarmos efetivamente sabedores de que somos os senhores de nossos destinos.

Sei que nos veremos.
Beijo na alma

Saul Brandalise Jr. é colaborador do Site, autor do livro: O Despertar da Consciência da editora Theus, onde mostra através das narrativas de suas experiências como extrair lições de vida e entusiasmo de cada obstáculo que se encontra ao longo de uma vida.
VISITE SEU SITE.
Email: sbj@tvbv.com.br

Fonte: SOMOS TODOS UM - http://somostodosum.ig.com.br/

segunda-feira, 30 de março de 2009

A Televisão Pifou! - Capítulo VIII




Ela pára de vez!!! Eles se calam de vez!!!

Empurram-na para o canto da sala... Separa-se o casal dentro de casa...

ATENÇÃO

Esta história deve ser lida com bastante calma e atenção, pois, o importante não é o que "está escrito" e sim o que "não estava escrito"...
CONTINUA...

quinta-feira, 26 de março de 2009

A televisão Pifou ! Capítulo VII

Cada criança mexe num botão... Cada filho pede uma compensação...
Mas,
Quanto mais mexem, Quanto mais se metem,
mais afastam a solução mais pioram a situação
De vez em quando...
Ligam-se pois, Unem-se pois,
quem sabe, quem sabe,
talvez tenha melhorado... talvez tudo tenha passado...

Parece que ficou boa! - Parece que conseguiremos
Mas logo...

Outra decepção! Outra decepção!
começam as comparações ...
Já não controlam a impaciência Já não se controlam e agridem
e dão tapas na televisão moral e até fisicamente...
E pronto!

"Tento engravidar três vezes por dia", diz Sangalo

Tento engravidar três vezes por dia", diz Sangalo
Ivete está no segundo mês de gestação

Divulgação/Globo
Ivete Sangalo não é mulher de deixar os outros falarem por ela. Quando a cantora ouviu, na manhã desta quarta-feira (25), que circulava pela mídia a notícia de que estaria grávida do namorado Daniel Cady, a baiana não pensou duas vezes e tratou de desmentir a informação.
"Ainda não estou grávida. Mas estou tentando, pelo menos três vezes ao dia. É muito abará, muito acarajé", revelou Ivete ao apresentador Osmar Martins, conhecido como Marrom, que comanda o "Fuzuê", programa da Rádio Bahia.
O jornal "O Dia" afirmou que Ivete já estaria no segundo mês de gestação (veja notícia no link acima). A cantora sofreu um aborto com seis semanas de gestação em outubro passado. Desde então, ela tenta outro bebê com o namorado.
Nesta manhã, a reportagem do Famosidades entrou em contato com a assessoria de imprensa da cantora que não desmentiu, nem confirmou a informação.
De férias, a cantora prepara sua volta aos palcos na semana que vem, quando irá divulgar seu novo CD, "Pode Entrar", que conta com participações de Maria Bethânia, Lulu Santos, Marcelo Camelo e Carlinhos Brown. A turnê de lançamento irá só até o mês de novembro, depois ela deixará tudo para cuidar da criança.
Blog do Marrom: http://correio24horas.globo.com/blogs/marrom/
Fonte: msn

BOM DIA!

terça-feira, 24 de março de 2009

Robinho pode processar Pelé por declaração

http://terratv.terra.com.br/templates/channelContents.aspx?channel=2554&contentid=226886

COMEÇOU O RACIONAMENTO



Depois de 1 semana vazando água aqui na rua! Um grande desperdício que só foi consertado 6 dias depois, mesmo com o pedido insistente dos moradores, para que a DESO resolvesse o vazamento. Agora chega a notícia do racionamento de água, amanhã vai faltar água em vários bairros de Aracaju, nesse calor que está fazendo, o racionamento vai deixar a população em desespero. Tivemos a semana de desperdício, agora a semana da seca total.

A importância da água

A importância da água





Água é fonte da vida. Não importa quem somos, o que fazemos, onde vivemos, nós dependemos dela para viver. No entanto, por maior que seja a importância da água, as pessoas continuam poluindo os rios e suas nascentes, esquecendo o quanto ela é essencial para nossas vidas.


A água é, provavelmente o único recurso natural que tem a ver com todos os aspectos da civilização humana, desde o desenvolvimento agrícola e industrial aos valores culturais e religiosos arraigados na sociedade. É um recurso natural essencial, seja como componente bioquímico de seres vivos, como meio de vida de várias espécies vegetais e animais, como elemento representativo de valores sociais e culturais e até como fator de produção de vários bens de consumo final e intermediário.


Segundo estatísticas, 70% do planeta é constituído de água, sendo que somente 3% são de água doce e, desse total, 98% está de água subterrânea. Isto quer dizer que a maior parte da água disponível e própria para consumo é mínima perto da quantidade total de água existente na nossa Terra. Nas sociedades modernas, a busca do conforto implica necessariamente em um aumento considerável das necessidades diárias de água.


Os recursos hídricos têm profunda importância no desenvolvimento de diversas atividades econômicas. Em relação à produção agrícola, a água pode representar até 90% da composição física das plantas. A falta d'água em períodos de crescimento dos vegetais pode destruir lavouras e até ecossistemas devidamente implantados. Na indústria, para se obter diversos produtos, as quantidades de água necessárias são muitas vezes superiores ao volume produzido.


Observando os dados abaixo, percebemos que precisamos começar a utilizar a água de forma prudente e racional, evitando o desperdício e a poluição, pois:

- Um sexto da população mundial, mais de um bilhão de pessoas, não têm acesso a água potável;
- 40% dos habitantes do planeta (2.400 milhões) não têm acesso a serviços de saneamento básico;
- Cerca de 6 mil crianças morrem diariamente devido a doenças ligadas à água insalubre e a um saneamento e higiene deficientes;
- Segundo a ONU, até 2025, se os atuais padrões de consumo se mantiverem, duas em cada três pessoas no mundo vão sofrer escassez moderada ou grave de água.



A ÁGUA NO MUNDO



No dia 22 de março, é comemorado o dia mundial da água. Se hoje os países lutam por petróleo, não está longe o dia em que a água será devidamente reconhecida como o bem mais precioso da humanidade.


A Terra possui 1,4 milhões de quilômetros cúbicos de água, mas apenas 2,5% desse total é doce. Os rios, lagos e reservatórios de onde a humanidade retira o que consome só correspondem a 0,26% desse percentual. Daí a necessidade de preservação dos recursos hídricos. Em todo mundo, 10% da utilização da água vai para o abastecimento público, 23% para a indústria e 67% para a agricultura.


A água doce utilizada pelo homem vem das represas, rios, lagos, açudes, reservas subterrâneas e em certos casos do mar (após um processo chamado dessalinização). A água para o consumo é armazenada em reservatórios de distribuição e depois enviada para grandes tanques e caixas d'água de casas e edifícios. Após o uso, a água segue pela rede de captação de esgotos. Antes de voltar à natureza, ela deve ser novamente tratada, para evitar a contaminação de rios e reservatórios.



A ÁGUA NO BRASIL



O Brasil é um país privilegiado no que diz respeito à quantidade de água. Tem a maior reserva de água doce da Terra, ou seja 12% do total mundial. Sua distribuição, porém, não é uniforme em todo o território nacional. A Amazônia, por exemplo, é uma região que detém a maior bacia fluvial do mundo. O volume d'água do rio Amazonas é o maior do globo, sendo considerado um rio essencial para o planeta. Ao mesmo tempo, é também uma das regiões menos habitadas do Brasil.


Em contrapartida, as maiores concentrações populacionais do país encontram-se nas capitais, distantes dos grandes rios brasileiros, como o Amazonas, o São Francisco e o Paraná. O maior problema de escassez ainda é no Nordeste, onde a falta d'água por longos períodos tem contribuído para o abandono das terras e para a migração aos centros urbanos como São Paulo e Rio de Janeiro, agravando ainda mais o problema da escassez de água nestas cidades.


Além disso, os rios e lagos brasileiros vêm sendo comprometidos pela queda de qualidade da água disponível para captação e tratamento. Na região amazônica e no Pantanal, por exemplo, rios como o Madeira, o Cuiabá e o Paraguai já apresentam contaminação pelo mercúrio, metal utilizado no garimpo clandestino, e pelo uso de agrotóxicos nos campos de lavoura. Nas grandes cidades, esse comprometimento da qualidade é causado por despejos de esgotos domésticos e industriais, além do uso dos rios como convenientes transportadores de lixo.

Fonte: www.brasildasaguas.com.br

segunda-feira, 23 de março de 2009

A Televisão pifou! CAPÍTULO VI

Chega um novo brilho! Adquirem um novo ânimo




Mas em pouco tempo...

desaparece o brilho... esmorecem os ânimos...



O colorido começa a falhar: As relações começam a falhar
Um dia ele está claro, Um dia estão carinhosos,
Outro dia está escuro... Outro dia estão ariscos.



A imagem começa a tremer e a fugir... Um começa a ficar nervoso e fugir...

O som começa a baixar e levantar... O outro começa a falar demais
eu emudecer...
As crianças começam a se impacientar... Os filhos começam a se
angustiar


passam ligá-la o menos possível... Ficam em casa o menos possível...

pois não suportam as frustações... pois não suportam as discussões...

O som e a imagem não se combinam: O casal não se entendem:

Quando a imagem está boa... Quando ela quer carinho.
não há som, ele não quer dar,
Quando o som chega... quando ele quer...
a imagem já fugiu! ela não quer mais

Começam as insatisfações...

quinta-feira, 19 de março de 2009

A Televisão Pifou! - cont. do 4º capítulo

Mais cá dentro...
A TV não pode ficar fora a vida inteira, - Você não pode ficar fora a vida inteira


pois daqui não se pode vê-la... Pois aqui não se faz nada sem você...

O seu lugar é este!!! O seu lugar é este!!!


Retornam aos seus lugares...

TUDO "RUIM"

Recomeça tudo...

- O que está acontecendo?

- Será a falta de antena externa? - Será a falta de religião?



Vão consultar os entendidos...

Instalam uma nova antena que aconselharam... O casal faz cursos que aconselharam...

terça-feira, 17 de março de 2009

CONTINUAÇÃO DO CAP 4º - A TELEVISÃO PIFOU!

TUDO "MAIS OU MENOS"
Parece que a televisão não é mais a mesma... Parece que o amor do casal não é mais o mesmo...


- Deve ser um dos botões que está frouxo... - Deve ser você que está cansada...
-Foi você que o torceu demais... - É você que me explora...
-Talvez seja bom mudá-la de lugar... - Talvez seja bom você fazer uma viagem...

E lá fora...
- Aqui a imagem está ótima! - Aqui eu estou ótima!


continua...

A Televisão pifou! CAPÍTULO QUARTO

Ela (TV) resiste ao frio... Eles (casal) superam as dificuldades
Ela resiste às mudanças... Eles aceitam as mudanças
Ela funciona bem em qualquer lugar... Eles se adaptam bem em qualquer lugar...
Os donos assistem-na absorvidos... Eles vivem-no (casamento) absorvidos

nem discutem...

apenas
se esquecem de olhar UM para o OUTRO...
E assim...
não notam
que estão se distanciando entre eles...
e um belo dia...
- Como você mudou! - Como você mudou!

segunda-feira, 16 de março de 2009

A Mestiça

Amanhã tem festa em Aracaju!


Aniversário de 154 anos, PARABÉNS PARA TODOS SERGIPANOS.

Meu Papagaio

Cheiro da terra

Sentar-se nas refeições com a família é importante!

14/03 - 08:15
Sentar-se nas refeições com a família é importante!
Colunista resgata a importância das reuniões diárias com a família, compartilhando tempo e uma refeição
Lícia Egger Moellwald


Nos meus cursos de Etiqueta Corporativa, venho percebendo que a vida profissional tem exigido tanto esforço e concentração das pessoas que as questões operacionais do dia-a-dia com a família perderam espaço para hábitos nem sempre positivos.

Falo das refeições feitas com a família sentada ao redor de uma mesa arrumada, com os filhos resmungando pelo que não gostam e os pais bravos ou divertidos corrigindo e ensinando coisas que dificilmente serão aprendidas fora de casa.

Com a luta pela sobrevivência cada vez mais acirrada, a falta de tempo e o cansaço muitas vezes extremo, homens e mulheres têm buscado simplificar os processos ligados à alimentação em família.

A ideia de chegar do trabalho, preparar a comida, “administrar” as crianças e ainda ter que arrumar e desarrumar a mesa da refeição passou a ser considerada como mais um momento que só contribui para a exaustão.

Então, para simplificar e agilizar este processo, a comida congelada que já havia conquistado o coração das donas-de-casa ganhou um aliado prático: a permissão para que todos peguem seus pratos de comida e sentem-se em qualquer lugar da casa.

Vale comer na frente do computador, assistindo televisão, na mesa de estudos ou em pé no balcão da cozinha. A ideia é alimentar-se de forma prática sem tomar tempo ou promover qualquer desgaste pessoal que possa nascer das interações com a família.

Tudo muito simples, as crianças comem, os pais trocam informações rápidas com elas, os pratos sujos são colocados na máquina ou lavados apressadamente e pronto: a família segue feliz para um novo dia.

Esta simplificação acaba por menosprezar a importância das trocas afetivas, da percepção do que pode não estar indo bem com as crianças ou da comemoração dos pequenos passos para uma vida adulta sadia, que nascem justamente durante uma refeição em família.

Em um mundo em que a perfeição é o caminho para o sucesso, alguns pais fogem de perceber o que precisa de interferência, ajuda e eventualmente punição, porque sabem que vão ter mais trabalho.

Sentada à mesa de refeições, a família fica mais exposta, nossos deslizes como adultos tornam-se evidentes e as exigências e pendências são uma lembrança chata do que há por fazer.

Durante uma refeição com as crianças, os pais podem vir a ser criticados e os filhos analisados, criando numa dose extra de complicação para quem teve um dia atribulado.

Mas deixar a família fazer a refeição cada um no seu canto, além de suprimir todas as trocas afetivas difíceis, faz também com que se deixe de ensinar e praticar comportamentos que vão ser muito úteis para a vida profissional das crianças no futuro.

Sentar-se à mesa com a família permite que cada um receba lições valiosas, como:

- é preciso paciência com o tempo de cada um, valor fundamental nas interações profissionais;

- é preciso aceitar as diferenças, o único meio para ensinar a diferença entre o direito de expressão e falar tudo o que se pensa.

Sem contar o entendimento de que a vida é cíclica, que os momentos ruins são sempre substituídos pelos bons, a tristeza pela alegria e a confusão por momentos de grande paz e amor.

Imagine só, aprende-se tudo isto só com a família sentada em torno de uma mesa arrumada para a refeição!
Lícia Egger Moellwald

Fonte: IG Delas

A televisão pifou - cont. do 2º CAPÍTULO - MODO DE USAR

MODO DE USAR
Quando ela está "pifando", logo aparecem "entendidos"
para consertá-la...


MODO DE USAR
Quando ele está "pifando", logo
aparecem "entendidos" para consertá-lo (ou para destruí-lo?)



E assim por diante...
(...)

nota: Leia simultaneamente as duas histórias: uma frase da "televisão" e uma frase do "casamento".

TUDO BOM
Compram uma televisão "perfeita": Fazem um casamento "perfeito"
ótimo som, ele de ótima família,
ótima imagem, ela de ótima linhagem,
lindo colorido, ambos lindos,
último modelo à última moda,
muito cara... muito caro...

Passado alguns anos...

A televisão vai muito bem: O casamento vai de vento em popa:
lindos filmes... lindos filhos...
vive ligada e trabalham muito e não reclamam...
não queima... (ela com a casa, ele com
os negócios

CONTINUA AMANHÃ...

A televisão pifou! Segundo capítulo

Para comprá-la, procura-se o tipo mais conveniente...
PRETO E BRANCO



PORTÁTIL


À CORES

Para se casarem devem procurar os temperamentos mais convenientes...
TÍMIDO

COLÉRICO

FLEUMÁTICO*

MELANCÓLICO

Antes de viverem juntos, deviam ler algumas instruções para não se desgastarem...


CONTINUA...

domingo, 15 de março de 2009

A televisão pifou! - Primeiro capítulo



A televisão é vista todos os dias...
A televisão é vista "por todos da casa"...



O casamento é "vivido" todos os dias...

O casamento é vivido " por todos da casa"...

e não só pelo casal como muitos imaginam...

CONTINUA NO PRÓXIMO CAPÍTULO...

A TELEVISÃO PIFOU - LIVRO INESQUECÍVEL

Quando eu estudava em Propriá, eu li um livro muito interessante, e durante anos reli esse livro. Gostei tanto que tirei xerox. A partir de hoje, sempre que possível vou reproduzir aqui no blog trechos inesquecíveis desse livro que fala de uma CRISE CONJUGAL, livro antigo com um tema super atual. Crise conjugal é como dor de cabeça, todo mundo já teve uma!
Este livro, "A TELEVISÃO PIFOU!", é de TACIANA FREITAS COUTINHO - Edições Loyola - SP - 1980.

Dedicatória do livro:

A autora dedica o livro aos casais em "crise", "cujos dramas enriquecem o conteúdo" do livro. Ela lamenta que a inspiração tenha sido provocada pelas infelicidades de casais. Diz também que se comprova o velho ditado: " todo mal traz um bem"... E deseja que o mal trazido pelas dolorosas experiências dos casais, possa algum dia levar algum bem...

E porque a Televisão como tema paralelo?

A autora diz que procurou um objeto que pudesse ser comparado ao casamento para que fosse mais compreendido, desejado, apreciado, consertado, aproveitado e não desperdiçado ou destruído como vem sendo ultimamente. ( Na verdade nos dias de hoje quando a Televisão quebra, as pessoas nem consertam mais, compram uma nova, pela FACILIDADE que encontra no "mercado", a "concorrência", etc.) A autora encontrou na televisão os pontos de semelhança que procurava...

StandUP - Fabio Porchat no Altas Horas - por Ricardoacj

quinta-feira, 12 de março de 2009

Coisas de mulher… que irritam os homens!

Coisas de mulher… que irritam os homens!
Relações

Não há volta a dar, os homens são loucos pelas mulheres, que consideram fascinantes, misteriosas, lindas e companheiras para a vida! No entanto, no meio de toda esta perfeição, existem várias coisas que as mulheres adoram e que enlouquecem (não dessa maneira!) os homens. Se há uma lista das “manias” femininas que irritam o sexo masculino, é esta!

Compras e mais compras
Deixa-os verdadeiramente doidos. Não conseguem perceber por que motivo vamos para as lojas se não tencionamos comprar nada e ainda estão para descobrir como é possível passarmos horas enfiadas num centro comercial…todas as semanas! Também não perceberam que a busca por um par de sandálias perfeita e um vestido de arrasar é feita a pensar neles (claro que já não tem espaço para nada disso uma vez que o seu armário está a arrebentar pelas costuras, mas quem é que está preocupada?). Afinal queremos ou não queremos estar sempre belas aos olhos dos nossos homens? Se ver montras é o equivalente a assistir a um Benfica-Porto, então deixe-o em frente à televisão com a rapaziada e junte as amigas para mais uma divertida sessão de shopping. De certeza que ambos irão divertir-se muito mais… para não falar das saudades!

Falar sem parar
Sim. Sabe perfeitamente que é verdade. Temos sempre algo a dizer sobre tudo e alguma coisa. E esse tudo e mais alguma coisa é sempre um pretexto para conversar. A seguir às compras (!), aquilo que mais gostamos de fazer é conversar sobre o nosso dia, os nossos sonhos, planos para o futuro, os nossos sentimentos e sobre a vizinha que chegou a casa às cinco da manhã a cantar Madonna a plenos pulmões. A capacidade de atenção dos homens é muito reduzida, o que quer dizer que enquanto nós tagarelamos como se não houvesse amanhã, eles interrompem a emissão e passam apenas a escutar uma interferência tão chata como o zumbido das moscas. Nós devoramos os detalhes, eles esquecem-se sempre dessa parte. Parece que faz parte da guerra dos sexos! Não canse os ouvidos do pobre rapaz, mas mantenha a sua atenção em si com palavras que ele quer realmente ouvir!

Sensibilidade e bom senso
Somos umas mártires e ninguém reconhece o esforço que fazemos diariamente para ser mulheres lindas e inteligentes, capazes de fazer uma apresentação “xpto” à administração às cinco da tarde e ter um bacalhau com natas em cima da mesa às nove em ponto… não é verdade? Nós fazemos questão de lhes lembrar isso todos os dias, lamentações que servem de chama de ignição para discussões surreais e completamente desnecessárias. Da próxima vez que lhe apetecer partir a loiça toda pense nas verdadeiras ladies – Emma Thompson e Kate Winslet – do filme “Sensibilidade & Bom Senso”. Ah, mais uma coisa: eles reconhecem, só não o admitem publicamente!

Eterna insatisfação
Nós somos como os semáforos – mudamos de cor e de ideia quase de minuto em minuto! Se de manhã estamos de amarelo, com os nossos olhos entreabertos a emitir sinais de “cuidado, não vás por aí”; de tarde o mundo está verde, a vida é bela e prego a fundo; só para com o vermelho da noite, parar tudo e todos com uma má disposição, infelizmente contagiante. E amanhã começa tudo de novo. É verdade, somos inconstantes, insatisfeitas, demoramos uma eternidade a decidir a mais pequena das coisas e não, não somos perfeitas! E a culpa de quem é? Das hormonas, claro! Se até nós nos cansamos da nossa própria má disposição, imaginem eles. O auto-controle é tudo e os homens adoram uma mulher que sabe exactamente o que quer…

Ciúmes e controle cerrado
No que toca a operar o painel de controlo masculino, somos piores do que as nossas mães e professoras da 1ª classe juntas! Se for para revirar bolsos de calças e camisas antes de as enfiar na máquina de lavar ou para ler todas as mensagens do seu telemóvel enquanto ele faz a barba, ninguém nos bate, qual OO7! Quanto aos ciúmes, fomos nós quem ensinamos à Glenn Close tudo o que ela sabe e que de forma muito assustadora transportou para o filme “Atracção Fatal” ao tornar-se stalker do Michael Douglas. Se fossem eles a fazer isso connosco, fugíamos a sete pés! Está tudo dito. Pssst, mulheres assim existem aos pontapés, seja a excepção à regra, eles veneram mulheres independentes e confiantes…

WC quitado
Qualquer homem perde-se numa casa de banho com rios de cremes, montanhas de maquilhagem, oceanos de perfumes e campos e campos de produtos para o corpo e cabelo. Aliás, bem vistas as coisas, é um pesadelo para estes seres que afirmam precisar apenas da escova de dentes e um sabonete para estarem sempre bem! Em vez de perder o seu tempo e latim a explicar-lhe que uma mulher precisa de tudo o que puder encontrar para garantir a sua beleza eterna, compre-lhe alguns miminhos especificamente masculinos e mostre-lhe o porquê de um WC com todos os extras…

Hora da novela
Obrigar um macho latino a ver um episódio (ou até 5 minutos apenas) da telenovela da noite é como fazer-lhe a depilação a cera quente – insuportável! Há muito tempo que eles afirmam que, tirando as beldades brasileiras, não há nada de remotamente realista nesses programas e só o facto de termos hora marcada com o pessoal da Globo todos os serões bem, isso é traição. Qualquer semelhança com a obsessão do sexo masculino por futebol é pura coincidência. Pois.

Lágrimas no canto do olho
Se fosse por nós, não havia, definitivamente, falta de água neste mundo, porque, quando é para chorar, contem connosco! É ou não é? Meninas, acordem! A maior parte dos homens não sabe o que fazer quando confrontados com uma mulher que acaba de abrir as comportas da sua barragem pessoal. Não dá para afogar, mas os nossos meninos ficam, e citando as nossas amigas brasileiras, “sem jeito, né”! Ora, aflitos, chateados e sem saber o que fazer… o que é a pior coisa que pode acontecer? Metem o pé na argola claro! E lá vai mais um pacote de lenços!

Chantagem sexual
Depois da chantagem emocional, vem a chantagem sexual. Qual a pior? Venha o diabo e escolha. E o diabo que escolha as duas, porque estas são das piores jogadas que uma mulher pode tirar da cartola… sim vocês sabem quem são! Chantagem sexual é partir o coração de um homem, despedaçar-lhes a alma e pôr-lhe os nervos à flor da pele, entre outras coisas. E para quê? O segredo de uma relação saudável também passa por este campo: o sexo quer-se em quantidade e, já que estamos a pedir, com muita qualidade também! Por isso, cuidado debaixo dos lençóis… o pior é se o feitiço se vira contra o feiticeiro e quem fica a perder somos nós!

Li no site: Entre mulheres

terça-feira, 10 de março de 2009

O Vaticano e a Máquina de Lavar

O Vaticano e a máquina de lavar
Atualizado e Publicado em 09 de março de 2009 às 12:58
da Reuters, na Cidade do Vaticano, reproduzido pela Folha Online:
O jornal do Vaticano, "L'Osservatore Romano", publicou artigo neste fim de semana no qual afirma que a máquina de lavar talvez tenha feito mais pela liberação da mulher no século 20 do que a pílula anticoncepcional ou o acesso ao mercado de trabalho. A declaração faz parte de um artigo em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.
O artigo, intitulado "A Máquina de lavar e a liberação das mulheres --ponha detergente, feche a tampa e relaxe".
"O que no século 20 fez mais para liberar as mulheres ocidentais?", questiona o artigo, escrito por uma mulher. "O debate é acalorado. Alguns dizem que a pílula, alguns dizem que o direito ao aborto, e alguns [dizem que] o direito a trabalhar fora de casa. Alguns, porém, ousam ir além: a máquina de lavar."
O texto então conta a história da máquina de lavar, desde um modelo rudimentar de 1767 na Alemanha, até os modernos equipamentos com os quais a mulher pode tomar um capuccino com as amigas enquanto a roupa é lavada.
O artigo cita as palavras da feminista americana Betty Friedan, que, em 1963, descreveu "o momento sublime de poder trocar a roupa de cama duas vezes por semana em vez de uma só".
Segundo o texto, embora os primeiros modelos fossem caros e pouco confiáveis, a tecnologia evoluiu a tal ponto que há agora "a imagem da super mulher, sorrindo, maquiada e radiante entre os equipamentos de sua casa".

Publicado no site Vi o mundo – Luiz Carlos Azenha
________________________________________
http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/o-vaticano-e-a-maquina-de-lavar/

domingo, 8 de março de 2009

FORMA DIFERENTE DE AMARRAR TÊNIS

 

 

 

 
Posted by Picasa

Calcule o seu também

 
Posted by Picasa

CABELOS - TER OU NÃO TER EIS A QUESTÃO

 



EU HOJE DESCOBRI QUE PRECISO DE UMA PERUCA NOVA...
Posted by Picasa

aniversário de Zé Luis

 



Nessa foto ele ao lado de Branco, ex-prefeito, Deda - Governador, Angélica - Deputada, Ana Lúcia - Deputada.
Posted by Picasa

eu - MULHER DE MIL FACES

http://lh4.ggpht.com/_SIPg5fgpkbg/SbQJ9qT1ykI/AAAAAAAAAHs/nEhlPN9r-M0/s400/eu%20e%20s%C3%B3%20eu.JPG

2008 Dia Internacional da Mulher(A História).

Dia Internacional da Mulher

Geraldo Sampaio faz homenagem ao dia Internacional da Mulher

Mulher, heroína sem rosto

Mulher, heroína sem rosto
Ana Cecilia Pereyra
O real sentido da palavra heroína não remete a alguém com poderes sobrenaturais que surge à noite para salvar a cidade das garras de algum ser malvado. A verdadeira heroína é a que foi vencendo obstáculos à medida que surgiram os obstáculos.

O seu trabalho consiste em algo mais difícil do que capturar o delinqüente mais procurado. O seu objetivo máximo é aquele que melhor sabe fazer: educar o ser humano e dar amor.

O sexo feminino é a principal fonte de subsistência, pois não apenas concebe uma criatura em seu ventre, mas a conserva, deixa-a crescer em seu interior, sempre consciente de que o que está dentro dela é um milagre que irá mudar a sua existência. Assim é como a mulher se torna mãe, não apenas potencialmente, mas dando início ao ato da maternidade.

Uma mãe não se separa do seu filho até que este seja capaz de se virar por conta própria e, quando chega esse momento, aquele ser maravilhoso trará impresso o selo de quem o educou e o levou pelos caminhos da melhor educação.

Na grande maioria das vezes, aclamamos ilustres personagens da história por suas grandes obras, por suas idéias, pela sua maneira de mudar o mundo por meio de sua luta. Poucas são as pessoas que param e se aprofundam em tal admiração e se dão conta de que os maiores filósofos, cientistas e escritores tiveram mãe. Uma mulher ao seu lado, sempre velando pelo seu bem e mantendo-os em suas entranhas. Alguém que foi capaz de os ver crescer até onde foi possível e até que seus olhos estivessem cansados. No fim das contas, foi uma mãe quem deu o impulso para que um grande pensador contribuísse com suas idéias e invenções, desde os pré-socráticos aos intelectuais mais próximos a este século.

Você, que é mãe, tem uma grande oportunidade de formar um líder. Deve se sentir privilegiada e orgulhosa, pois foi entregue a você a ocasião perfeita de impulsionar heróis para a sociedade.

Você, condutora de cada passo, educadora do futuro, heroína oculta.







--------------------------------------------------------------------------------

Ana Cecilia Pereyra, Colaboradora do site Mujer Nueva

Fonte: site Mujer Nueva - www.mujernueva.org

Publicado no Portal da Família em 05/03/2007

A MULHER IDEAL...

A Mulher ideal ...
É aquela que é maravilhosa acima de tudo.
Que pode com um sorriso provocar amor e felicidade.

A Mulher ideal ...
É aquela que é simples por natureza.
Que pode explanar com simples gestos toda a sua feminilidade e grandeza.

A Mulher ideal ...
É aquela que sabe como ninguém entender os sinais do amado antevendo
lhe os movimentos estando sempre ao seu lado.

A Mulher ideal ...
É aquela que não seja perfeita, pois somente Deus o é, mas que busque a
perfeição em todos os seus gestos.

A Mulher ideal ...
É aquela que mostra a sua beleza todos os dias, como no primeiro encontro.
Fazendo dos momentos com o seu amado um eterno reencontro.

A Mulher ideal ...
É aquela que mesmo com o passar dos anos, tenha sempre o sorriso de
menina, pois o enrugar da pele é ínfimo perante a alma feminina.

A Mulher ideal ...
É aquela que se apresenta perante a sociedade como a mais formosa dama.
Mas quando na intimidade partilhe todos os segredos..

Enfim, a Mulher ideal ...
É aquela que mesmo não sendo Deusa, sabe como ninguém trazer um
pedacinho do céu.
*****************************

DIA INTERNACIONAL DA MULHER

"Homem,
cuida-te muito em não fazer chorar uma mulher,
pois Deus conta as lágrimas.
A mulher foi feita da costela do homem,
não dos pés para ser pisoteada,
nem da cabeça para ser superior
mas, sim, do lado para ser igual....
debaixo do braço para ser protegida
e do lado do coração para ser amada".


Talmude Hebraico

HOJE 08 DE MARÇO - PARABÉNS A NÓS MULHERES!

sábado, 7 de março de 2009

Dr. Fritz: A visão de um membro da Igreja Batista da Graça

Publicado em 7/3/2009 às 06:25 h

Dr. Fritz: A visão de um membro da Igreja Batista da Graça


O "Dr. Fritz": O espiritismo e a terapia holística

“Entre ti não se achará quem faça passar pelo fogo a seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro; Nem encantador, nem quem consulte a um espírito adivinhador, nem mágico, nem quem consulte os mortos; Pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por estas abominações o Senhor teu Deus os lança fora de diante de ti.”

Deuteronômio 18:10-12

Algumas práticas bastante remotas, oriundas dos tempos da antiga Mesopotâmia, são as práticas de adivinhação que incluem uma variedade enorme, como: aleuromancia [1], aeromancia [2], alectoromancia [3], astragalomancia [4], astrologia [5], dendromancia [6], belomancia [7], cartomancia [8], catoptromancia [9], cefalomancia [10], quiromancia [11], clidomancia [12], dactilomancia [13], dafnomancia [14], geomancia [15], hidromancia [16], lampadomancia [17], libanomancia [18], litomancia [19], margaritomancia [20], necromancia [21], enomancia [22], ornitomancia [23], ovomancia [24], acrimancia [25]; ainda os rituais de magia que incluem: simpatias [26], feitiçarias [27] e curas espirituais [28].

É importante esclarecer, de antemão, que todas essas práticas são veementemente reprovadas por Deus, através da Sagrada Escritura, que as identifica como sendo uma abominação aos olhos do SENHOR. Todavia, apesar das repetidas Ênfases Escriturísticas, realizadas acerca da reprovação de tais práticas, estas vêm crescendo e se alastrando, principalmente neste que é o maior país espírita do globo terrestre, o Brasil.

A Revista Veja, na edição 1659 de 26/07/2000, nos apresenta um retrato da aceitação do espiritismo em meio as pessoas de vida pública. Vejamos um trecho da matéria:

“Mário Covas, governador do mais rico e populoso Estado do Brasil, é católico, mas busca aconselhamento com os espíritos quando está com problemas pessoais. O general Alberto Cardoso, ministrochefe do Gabinete de Segurança Institucional, homem poderoso na equipe do presidente da República, criou o hábito de incorporar espíritos e orientar com voz do além os desesperançados que o procuram. Herbert Steinberg, professor de pós-graduação e dono de uma importante consultoria de empresas, nasceu judeu, virou católico e agora reúne a família pelo menos uma vez por semana para ler e discutir a Bíblia sob a ótica do espiritismo. O médico Ronaldo Gazolla, secretário municipal de Saúde do Rio de Janeiro há nove anos, controla dezesseis hospitais, 110 postos de saúde e 30 000 funcionários, mas não deixa de ir toda quarta-feira ao centro espírita que preside, onde ergue as mãos e canaliza energias positivas, num chamado passe, que acredita contribuir para a cura de enfermos da alma e do corpo.

O segundo ministro da Saúde do governo de Fernando Henrique Cardoso, o cardiologista gaúcho Carlos César de Albuquerque, vê e recebe espíritos. O autor das telenovelas de maior sucesso do país, Benedito Ruy Barbosa, diz que seu pai o acompanha e orienta desde que morreu, quando ele tinha 12 anos, e, por isso, sempre dá um jeito de promover um reencontro de personagens mortos em seus enredos televisivos. Tande, campeão olímpico, estava convicto de que integraria a seleção brasileira muito antes de começar a jogar vôlei, por causa da mensagem recebida por seu pai, um militar médium vidente. A dona do rebolado mais admirado do país, Scheila Carvalho, acredita que foi princesa em outra encarnação e tem o livro O Evangelho Segundo o Espiritismo – em sua cabeceira. O escritor brasileiro que mais vende livros – cerca de 30 milhões de exemplares –, Chico Xavier, não escreve seus textos, psicografa.”

Quando o assunto é a denominada “cura mediúnica” um dos mais reconhecidos no meio espírita é o Dr. Fritz. Mas, quem seria esta "entidade"?

De acordo com um artigo publicado na wikipédia encontramos que:

"Adolf Fritz, nascido em Munique, na atual Alemanha, cerca de 1876. Seu pai, asmático, recebeu recomendação médica para mudar de clima. Por essa razão, a família mudou-se para a Polônia, quando Adolf teria quatro anos de idade. Forçado a trabalhar desde cedo pela morte prematura de seus pais, custeou os próprios estudos, vindo a se formar em Medicina. Um mês após a sua formatura, um general chegou ao seu consultório com a filha gravemente enferma nos braços mas, a despeito de todos os seus esforços, a menina veio a falecer. O oficial responsabilizou Adolf pela morte da menina, conduzindo-o à prisão, onde sofreu maus-tratos e privações. Evadindo-se da prisão, Adolf foi para a Estônia, onde viveu durante a Primeira Guerra Mundial (1914-1918).

Outra versão dessa suposta biografia sustenta que Adolf ingressou no quadro de Saúde do Exército Alemão, no posto de Capitão, como Clínico Geral. À época da Primeira Guerra, teria atendido os feridos no campo de batalha onde, por falta de instrumentos adequados, acumulou experiência no atendimento de emergências e de prática cirúrgica utilizando os limitados recursos que o front lhe oferecia.

Adolf Fritz teria falecido em 1918, aos quarenta e dois anos de idade, embora se desconheçam informações sobre as causas e o local desse evento.”

A verdade é que ninguém sabe nada a respeito da vida do “Dr. Fritz”. Todas essas informações citadas, anteriormente, foram colhidas a partir dos relatos daqueles que dizem “incorporar” o espírito do referido médico. Não existe nenhuma comprovação histórica documentada acerca da existência do dito alemão. Na verdade, nunca se achou uma única comprovação ou evidência de que tal pessoa tenha existido realmente.

No meio espírita, muitas estórias são contadas e sempre encontramos informações desencontradas e contradições nesses relatos.

O próprio Pe. Oscar Quevedo, em uma entrevista intitulada "Palavras duras contra uma legião de inimigos de fé", publicada no O Dia, no dia 14 de fevereiro de 1999, disse o seguinte:

“Dr. Fritz? Não existiu. É toda uma farsa. Qualquer um que queira dizer que é médico alemão vai dizer que se chama Adolf. Em que faculdade estudou? Onde foi enterrado? Onde está a família? Onde está o certificado de médico?"

No Brasil, seis médiuns alegaram receber o espírito do Dr. Fritz, porém, destes seis médiuns três se tornaram famosos pelos seus escândalos, complicações judiciais e casos de pessoas mortas, vítimas dos “tratamentos” e “cirurgias” mediúnicas.

O primeiro, e mais famoso deles, foi José Pedro de Freitas, conhecido popularmente como “Zé Arigó”.

No site memória viva, encontramos um trecho de uma matéria veiculada no Jornal O Cruzeiro, do dia 12 de dezembro de 1964, denominada: “O feitiço contra o feiticeiro - Zé Arigó na prisão”, que segue dizendo:

“O curandeirismo é punido para se resguardar a incolumidade pública. O indivíduo que, sem ser médico, faz a determinação de uma doença ou enfermidade pelos sintomas; que, sem ser médico, faz operações; que, dizendo-se um “aparelho” de um espírito, em transe, receita ou opera, ou fornece “garrafadas”, “raízes de mato”; que usa “passes”, atitudes, posturas, palavras, rezas, encomendações, benzeções, esconjuros, ou qualquer outro meio para facilitar partos, curar a tosse rebelde, mordeduras de cobra, câncer, debelar a febre, tuberculose, hemorragia, espinhela caída, catarata, surdez etc. - êsse cidadão representa um tremendo perigo para a saúde de um indeterminado número de pessoas, cuja tutela incumbe, inquestionàvelmente, ao Estado.” Dito isto, o escrivão Osório, da Comarca de Congonhas do Campo, prosseguiu a leitura da sentença do Juiz Márcio Aristeu Monteiro de Barros, informando ao réu, “Ze Arigó”, a pena de dezesseis meses de prisão que lhe foi imposta pelo crime de curandeirismo, figura delituosa que é prevista no art. 284 do Código Penal Brasileiro.”

(Fonte: http://www.memoriaviva.com.br/ocruzeiro/12121964/121264_1.htm)

Zé Arigó morreu em um acidente “misterioso” de carro, ao bater de frente com um veículo do DNER, ao voltar de um sítio perto de Congonhas do Campo, em Minas Gerais.

Após a morte de Zé Arigó, o médium baiano Edivaldo de Oliveira Silva, conhecido como Edivaldo Wilde, afirma receber o “Dr. Fritz”, e começa a realizar as consultas e cirurgias mediúnicas. Depois de algum tempo, também morre. Após sua morte, seu irmão, Oscar Wilde o sucede dando continuidade aos trabalhos supostamente realizados pelo médico alemão. Porém, este também morre, vítima de um acidente de carro. Todavia, antes de sua morte, Oscar Wilde também foi investigado pela justiça e foi acusado pela Associação Espirtualista da Bahia de charlatanismo.

O quarto médium a afirmar incorporar o médico alemão, foi Maurício Magalhães.

Após o período de seis anos atendendo como o Dr. Fritz, Maurício Magalhães é substituído por Edson Cavalcante Queiroz, que era médico ginecologista.

Edson Queiroz também se envolveu em escândalos com autoridades e com o CREMEPE (Conselho Regional de Medicina de Pernambuco), que o processou por infringir o Código de Ética Profissional, sendo condenado e tendo o seu registro profissional cassado. Todavia, foi absolvido dois anos após.

Edson Queiroz foi assassinado pelo seu caseiro no ano de 1991.

Após Edson Queiroz, surge Rubens Farias Júnior, engenheiro eletricista.

Rubens Farias Júnior, assim como muitos outros, também se envolve em escândalos e fraudes.

A revista Veja, de 17/02/99, publicou uma matéria acerca da vida de Rubens Farias, que dizia:

Bisturi suspeito

Engenheiro que incorpora o Doutor Fritz é acusado de homicídio,

charlatanismo e sonegação fiscal

A paz celestial do engenheiro Rubens Faria Júnior, 44 anos, que diz incorporar o espírito do Doutor Fritz, um médico alemão morto na I Guerra, para realizar cirurgias mediúnicas, converteu-se em calvário. Primeiro, sua ex-mulher, Rita de Cássia, aborrecida com o relacionamento do ex-marido com uma jovem de 19 anos, entregou à Polícia Federal documentos em que tenta provar que o Doutor Fritz nunca passou de uma farsa. Segundo ela, Rubens Faria sonegava impostos e praticava charlatanismo. No rastro da briga conjugal, surgiram outras acusações ainda mais graves. Um ex-segurança do galpão em que Rubens Faria operava seus pacientes no Rio de Janeiro, Nelson José Nunes Júnior, afirmou que pelo menos três pessoas teriam morrido durante as cirurgias espirituais. Os corpos teriam ido para um hospital na Zona Norte do Rio, onde existiria um esquema montado para ocultação de cadáveres. O engenheiro também foi acusado de enganar os clientes com técnicas de prestidigitação. A propaganda do Doutor Fritz era que ele fazia cirurgias mediúnicas sem anestesia. Seu ex-cunhado e colaborador, Sebastião da Costa, contudo, declarou ao jornal carioca O Dia que na verdade ele utilizava anestésicos disfarçados por um pedaço de gaze na mão esquerda...Passaram pela mesa cirúrgica de Faria Júnior o ex-presidente João Baptista Figueiredo, a ex-técnica da Seleção Brasileira de Ginástica Olímpica Georgette Vidor e a mulher do cantor Roberto Carlos, Maria Rita.

(Fonte: http://veja.abril.com.br/170299/p_035.html)

Ainda, o Jornal da tarde, de 27/05/2000, publicou matéria acerca de Rubens farias dizendo:

Justiça decreta prisão do 'Dr. Fritz'

O juiz presidente do 1º Tribunal do Júri, José Ruy Borges, recebeu ontem denúncia do promotor Fernando Pastorelo Kfouri contra o médium Rubens de Faria Júnior, que diz incorporar o espírito do "Dr. Fritz", e decretou sua prisão preventiva.

O promotor acusa Faria, que está foragido e envolvido em outros inquéritos, de ter antecipado a morte de Vanessa de Biafi, que sofria de leucemia. A vítima foi convencida pelo médium a abandonar tratamento médico no Hospital das Clínicas, com a promessa de "cura miraculosa" em suas sessões.

Atualmente, alguns médiuns dizem receber o Dr. Fritz, e têm dado continuidade as supostas curas espirituais e cirurgias mediúnicas, como Aran Silva (Brasília), Francisco Monteiro (Minas Gerais), Gilmar (Itália) e Murilo Magalhães (Santa Catarina).

Kleber Aran Ferreira da Silva (Aran Silva), a mais nova sensação mediúnica “Fritzeriana” do momento está na cidade de João Pessoa, dando continuidade as mesmas práticas mediúnicas, que a Bíblia tanto reprova, e se prepara para se deslocar até a cidade de Campina Grande, na Paraíba.

Aran Silva, que se diz terapeuta holístico, tem 35 anos de idade, é brasiliense e foi criado em Minas Gerais, na cidade de Uberaba. Alega ter começado a incorporar o Dr. Fritz no ano de 1997.

Em entrevista ao Jornal da Paraíba, do dia 01 de Abril de 2008, Aran Silva disse:

“Cresci em uma família evangélica, mas desde os cinco anos de idade fui vivenciando fenômenos de paranormalidade que não entendia, com copos estourando, talheres se entortando e visões de espíritos como se fossem gente humana ... O que me assustou ao desenvolver a mediunidade como Dr. Fritz e me deixou até depressivo no início, foi constatar que os dois médiuns tiveram mortes trágicas. Arigó sofreu um acidente automobilístico, enquanto Edson Queiroz foi assassinado pelo caseiro ... Mas percebi que Dr. Fritz escolhe bem seus paranormais e passei a amá-lo e me dar conta que o que ele faz era o bem. Ele falou que vai estar comigo por 26 anos ... O Dr. Fritz já operou o joelho do político Antônio Palloci e as cordas vocais da cantora Alcione, do humorista Chico Anísio e de muitas personalidades que pediram para não ser reveladas”

Se o Dr. Fritz sabe escolher bem os paranormais, como disse Aran Silva, ele também sabe que vida cheia de escândalos, fraudes, mentiras e envolvimentos judiciais os seus antigos paranormais tiveram.

Segundo Aran Silva, mais de 660 mil pessoas já foram atendidas. Ele continua dizendo:

“Por dia, atendo até mil pacientes, dependendo da cidade. As pessoas ficam aguardando em filas paralelas, mas não interessa a classe e o grau de autoridade de cada uma, são todas tratadas da mesma forma ... O tratamento é rápido, indolor e sem sangramento, leva menos de um minuto para cada paciente ... As agulhas são introduzidas como ponto de fé. Nesse momento, a energia se espalha em todos os órgãos, neutralizando e espalhando a cura ... Todo o atendimento é gratuito, mas vendemos alguns remédios do Dr. Fritz ao custo de R$ 7, para manutenção do tratamento e cobertura com as despesas de agulhas e materiais do trabalho”.

Na mesma matéria do Jornal da Paraíba encontramos uma advertência do CRM-PB (Conselho Regional de Medicina da Paraíba), que afirma que “qualquer atividade médica desenvolvida sem o reconhecimento da instituição é ilegal, passível de abertura de processo ético na esfera do conselho”.

Eurípedes Mendonça, diretor do Departamento de Fiscalização do CRM-PB, adverte a população, ao dizer:

“Mas se o indivíduo não for médico, cabe ao Ministério Público e à Polícia Federal verificar se a atividade está amparada por alguma lei do País. Qualquer atividade profissional é regulamentada por leis, principalmente, na área de saúde, em que um erro pode prejudicar a vida de um paciente ... Todo ato médico profissional precisa ser feito em um estabelecimento de saúde que seja registrado em cadastro nacional, competindo também à Vigilância Sanitária fiscalizar as condições de higiene dos procedimentos”

Encontramos nesse caso, em particular, as mesmas características dos médiuns e dos tratamentos citados anteriormente: alguns pacientes alegam ter parado com seus tratamentos!

Essa característica pode ser comprovada, na mesma matéria do Jornal da Paraíba, com o depoimento de Jorge Luiz da Silva, que afirmou:

“Mesmo conhecendo a doutrina espírita, me surpreendi com o resultado do tratamento. Ele enfiou uma tesoura no meu nariz na frente de todo mundo e horas depois conseguia respirar normalmente. Senti apenas um pouco de desconforto, mas nenhuma dor insuportável e desde o dia da cirurgia, há uma semana, todos os sintomas da doença desapareceram”.

Ou do depoimento de Gilvalter Pereira, que afirmou:

“Tenho insuficiência renal e faço hemodiálise há três anos. Procurei o tratamento e o médium aplicou duas agulhas nas minhas costas e uma espécie de água gelada. Na madrugada seguinte, consegui urinar e comecei a sentir dor nos rins, como se eles estivessem voltando a funcionar ... Minha esposa também se submeteu ao tratamento e ficou curada de um problema na tireóide”.

Aran Silva afirma que:

“Se o trabalho não tivesse crédito, não reuniria multidão, nem alcançaria cura. O charlatão realiza operações e some no mundo, mas eu sempre estou em turnê, visitando cidades com atendimentos gratuitos”.

Partir do pressuposto que se nasceu em um lar evangélico para obter uma suposta autoridade para se defender a sua religião é no mínimo ingenuidade. Precisamos entender que Deus não tem netos, apenas filhos. A conversão não ocorre por “osmose”. Não significa que o simples fato de se nascer em berço evangélico vai ser evangélico também. O rei Davi teve vários filhos e nem todos eram salvos, por exemplo.

Muitas famílias evangélicas não têm uma estrutura bíblica correta, e alguns pais não dedicam tempo para ensinar seus filhos a andarem no caminho do SENHOR, esquecendo-se do texto de Provérbios 22:6. Daí, o resultado daquele que hoje é uma criança será um adulto longe do Deus da Bíblia e da Bíblia de Deus.

A apresentação de números para se obter autoridade é uma tática antiga e conhecida, todavia, isso não traz comprovação de autenticidade nem de veracidade. Não podemos nos esquecer que Zé Arigó não cobrava pelas consultas, porém, tornou-se o dono de um terço da área rural de Congonhas dos Campos, proprietário dos melhores hotéis e quatro principais farmácias da cidade, porém, registrava tudo no nome da família, apesar de ter se tornado riquíssimo. Zé Arigó, que é citado por Aran Silva, atendeu gratuitamente milhares de pessoas. Apenas no seu enterro estavam presentes cerca de 50 mil pessoas, todavia, havia sido preso por charlatanismo.

Utilizar números extraordinários de pessoas supostamente atendidas, resultados supostamente benéficos e afirmar que faz tudo gratuitamente não é respaldo nem comprovação de veracidade e genuinidade.

Rubens Farias Júnior, outro médium da “geração Fritz” foi preso, e quando isso ocorreu descobriu-se que tinha sete carros importados, apartamentos no Rio e em Miami, bens não-declarados à Receita Federal que superavam R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais), na época! Rubens chegou a “operar” personalidades como o ex-presidente João Figueiredo, o carnavalesco Joãozinho Trinta e até o ator americano Cristopher Reeves, o Super-Homem. E nada disso foi suficiente para provar a sua veracidade.

Entendo que muitas pessoas tem sido sinceras, todavia, sinceridade não e atestado de veracidade!

Curiosamente, os próprios médiuns procuram não fazer as cirurgias milagrosas mediúnicas, como foi o caso de Chico Xavier que rejeitou ser “cirurgiado” por Zé Arigó. Chico Xavier recusou a oferta de Zé Arigó e preferiu ser internado numa clínica na cidade de São Paulo.

É necessário entender o quanto esse tipo de prática representa uma afronta direta a Deus. Em algumas passagens bíblicas podemos encontrar mensagens de reprovação. Vejamos:

Lv 19:31; 20:6

Dt 18:9-14

Mq 5:12

Ap 21:8; 22:15

Autor: Robson T. Fernandes casado com Maria José Fernandes e residem na cidade de Campina Grande. É membro da Igreja Batista da Graça (Campina Grande – PB) e bacharel em Teologia pelo STEC (Seminário Teológico Evangélico Congregacional). É diretor e professor do CBA (Curso Básico de Apologética), e pesquisador da VINACC (Visão Nacional para a Consciência Cristã) e palestrante.

Notas:

1 – Aleuromancia: adivinhação por observar a farinha na água.

2 – Aeromancia: adivinhação através da observação do ar.

3 – Alectoromancia: grãos são colocados sobre letras e o galo "soletra" a mensagem bicando os grãos.

4 – Astragalomancia: adivinhação usando ossos marcados com letras e deitando-os ao chão.

5 – Astrologia: adivinhação através da observação dos astros.

6 – Dendromancia: adivinhação por observação de árvores derrubadas e orientação dos seus troncos.

7 – Belomancia: adivinhação por setas.

8 – Cartomancia: adivinhação com a utilização de cartas, seja o tarô cigano, egípcio etc.

9 – Catoptromancia: adivinhação com o uso de espelhos.

10 – Cefalomancia: adivinhação por uma cabeça de burro.

11 – Quiromancia: adivinhação através da leitura das mãos.

12 – Clidomancia: adivinhação por interpretação dos movimentos de uma chave suspensa por um fio sobre uma Bíblia.

13 – Dactilomancia: adivinhação por meio dos anéis colocados no dedo.

14 – Dafnomancia: adivinhação usando um ramo de loureiro e como racha quando queimado.

15 – Geomancia: uma variante desta forma de adivinhação envolve atirar lixo ao chão e interpretar os resultados.

16 – Hidromancia: adivinhação por exame do que certas coisas fazem quando lançadas ou tiradas da água, como folhas de chá.

17 – Lampadomancia: adivinhação por interpretar os movimentos da chama de uma lâmpada.

18 – Libanomancia: adivinhação por interpretar o fumo de incenso.

19 – Litomancia: adivinhação usando pedras preciosas.

20 – Margaritomancia: adivinhação através de pérolas.

21 – Necromancia: adivinhação pela consulta aos mortos.

22 – Enomancia: adivinhação pelo vinho.

23 – Ornitomancia: adivinhação por interpretar o vôo dos pássaros.

24 – Ovomancia: adivinhação através do uso dos ovos.

25 – Acrimancia: adivinhação pelo fogo.

26 – Simpatias: forma de feitiçaria ligada a crença popular e de origem campesina.

27 – Feitiçarias: prática ou celebração de rituais ocultos, com ou sem uso de amuletos ou talismãs.

28 – Curas espirituais: uso de meios espirituais no tratamento de doenças.

Fonte: Publicado no http://www.nenoticias.com.br/lery.php?var=1236417928

sexta-feira, 6 de março de 2009

Criança Abortada

Criança Abortada
:: Osvaldo Shimoda ::

O fato de a ciência ainda se estruturar em bases materialistas, não leva em consideração a existência da alma, do espírito, o que dificulta qualquer iniciativa que vise ao confronto com a outra realidade, a realidade espiritual.
Desta forma, para o materialismo científico, o critério científico é puramente organicista, vendo o ser humano com um mero agregado de carne e osso, estudando apenas os fenômenos físico-químicos relacionados com o metabolismo biológico.

Para a neurociência, a alma não passa de produto do cérebro, que, por sua vez, é constituído de complexa combinação de inúmeras células e substâncias químicas, a exemplo da serotonina, dopamina, acetilcolina e outras.

O pensamento materialista não está presente só na ciência, mas também na política, no regime democrático, que não cansa de defender os direitos humanos da mulher na legalização da prática do aborto que está embasada também na visão materialista do ser humano, vendo-o como um mero aglomerado de matéria.

A ciência investiga apenas as causas e os efeitos materiais, não considerando que possa haver uma interrelação de causa e efeito entre mundo espiritual e mundo material, ignorando, portanto, uma das leis universais, a lei de causa e efeito, a lei do carma.

Na T.R.E. (Terapia Regressiva Evolutiva)- A terapia do mentor espiritual - uma nova e breve abordagem psicológica e espiritual criada por mim, ao conduzir mais de 5000 sessões de regressão de memória, constatei que existem três fatores que levam uma pessoa a ter um determinado problema:
1º Fator interno: Psicológico; criado pelo paciente de experiências traumáticas desta (infância, nascimento, útero materno) ou de vidas passadas (na maioria dos casos);
2º Fator externo: Espiritual; ocasionado por uma presença espiritual obsessora (ser desencarnado, desafeto do passado do paciente);
3º Fator Misto: Psicológico e Espiritual.

Na minha estatística em 95% dos pacientes, o fator espiritual (espírito obsessor) se não for a causa principal do problema, é sempre uma agravante e, em 5% dos casos, é puramente psicológica, não havendo, portanto, nenhuma interferência espiritual obsessora na gênese do problema do paciente.
O alto índice (95%) de interferência espiritual obsessora nesses casos se explica por conta de nossa imaturidade, ignorância das leis Divinas, Universais, enquanto espíritos em evolução (trazemos maus hábitos e imperfeições de vidas pretéritas).
Desta forma, cometemos erros e equívocos com nossos semelhantes, gerando carmas, desafetos -obsessores encarnados ou desencarnados-, que são movidos pelo ódio, desejo de vingança, ainda presos ao passado.
Portanto, é de praxe perguntar ao paciente na entrevista inicial de avaliação se foi praticado algum aborto deliberado, por ele e/ou por seus pais. Confirmado o aborto é comum o espírito da criança abortada se manifestar nas sessões de regressão acusando a paciente e/ou seus pais com muito ódio e revolta pelo mal que lhe fizeram.

Em muitos casos, a família que tem um filho problemático, revoltado, que se recusa a frequentar a escola, que tem ódio de si e dos pais, às vezes tenta se suicidar, os pais levam-no ao consultório psicológico e/ou psiquiátrico, mas nada conseguem, pode estar sendo obsidiado, influenciado pelo espírito da criança abortada pelos pais.
Nesse caso, esse filho problemático pode estar sendo obsidiado pelo seu irmão que não chegou a nascer e o usa para agredir, se vingar dos pais, tumultuando o ambiente familiar.

No livro "Pela Paz dos Anjinhos" de Kamino Kusumoto (Seicho-no-ie), o autor esclarece que existem sete comportamentos típicos que caracterizam quando uma criança está sendo obsidiada pelo seu irmão abortado. São eles:
1- Perda do ânimo, por exemplo, as vésperas de uma prova escolar. A criança se esforça, mas um obstáculo poderoso (obsessor espiritual) o impede de perseverar no esforço;
2- Permanência em lugares escuros: de dia, a criança ou adolescente dorme com cortinas fechadas e mantém o quarto sempre em escuridão; à noite perambula pelas ruas escuras sem destino, muitas vezes anda em grupo, com menores que têm os mesmos problemas. Reflete a alma da criança abortada que perambula por um mundo deserto e escuro (região do umbral, reino das trevas);
3- Desejo persistente de comer doces e tomar leite, como se fosse um bebê;
4- Mãos e pés constantemente gelados (desde que não seja problema vascular, circulatório, é comum a pessoa obsidiada sentir muito frio, mesmo no verão);
5- Rebeldia contra os pais: o filho irrita-se com os pais por nada, é agressivo com eles e tem vontade de matá-los. Representa o rancor da criança abortada contra os pais;
6- Desejo de ficar solitário: o filho não atende o amigo que vai visitá-lo e prefere se trancar no quarto ou abandonar o lar, e anda a esmo pelas ruas, sentindo desejo de morrer;
7º-Gasto excessivo de dinheiro: o filho acaba gastando em jogos e em futilidades o que deveria ser gasto na criação do irmão abortado.

É importante ressaltar neste artigo que nem sempre a causa do mau comportamento de uma criança ou de um adolescente é fruto da influência de um espírito obsessor, pois cada caso é um caso. Portanto, há que se distinguir um desvio de comportamento de causa psicológica e os que são provocados pela alma da criança abortada. No entanto, se uma criança ou adolescente apresentar alguns desses comportamentos mencionados acima pelo autor, é bem provável que a origem do problema advénha de um espírito obsessor (desafeto de vidas passadas do obsidiado) ou do aborto provocado por seus pais.

Veja a seguir o caso de uma paciente, cuja transmissão de carma era proveniente de aborto praticado por três gerações: avó, mãe e filha (a paciente atual).

Caso Clínico:
Mulher de 29 anos, casada.
Transmissão de carma proveniente de aborto praticado por três gerações (avó, mãe e filha)

Paciente veio ao meu consultório querendo entender por que sentia tanta raiva, revolta pela mãe. Sentia que sua mãe não gostava dela, pois desde criança dava mais atenção e carinho ao seu irmão caçula.
Após a morte do pai, sua mãe lhe dizia que teria que dar mais atenção ao irmão e a deixava de lado. Dizia também que não iria ao seu casamento por não se sentir sua mãe. Numa ocasião, ao discutir com a paciente, sua mãe lhe disse aos berros: "Você merece um filho com Síndrome de Down".

Sempre foi uma criança extremamente agitada, revoltada, insatisfeita, amargurada e mal-humorada. Tinha também dificuldade para dormir (até hoje só conseguia dormir cobrindo seus olhos com uma tarja preta).
Aos quatro anos teve um AVC (Acidente Vascular Cerebral), fez exame de ressonância magnética, mas não acusou nenhum distúrbio neurológico. A mãe dizia que a paciente chorava muito, ninguém conseguia fazê-la dormir, fazia birra, principalmente após o nascimento de seu irmão caçula. Após o AVC desenvolveu hipertensão, precisando tomar remédio durante quatro anos.

Aos 15 anos virou sua vida do avesso; aprontava, saía com uma turma "esquisita" (segundo a paciente) e começou a apresentar sintomas de fibromialgia (sentia dores musculares, um nódulo nas costas como se estivesse carregando um peso grande).
Entrou em depressão profunda em 2003 e teve que largar a faculdade. Sentia fadiga crônica, acordava cansada e sentia culpa por não se sentir merecedora de ser feliz.

Para se curar da fibromialgia passou pelo reumatologista, microfisioterapeuta, acupuntura, terapia floral e psicoterapia, sem obter sucesso.
Veio a descobrir que não só ela e a mãe praticaram aborto, mas sua avó materna também.
Tinha também muito medo, pavor de ter um filho. Sentia muito frio à noite e, ao dormir, precisava se agasalhar bastante com um monte de roupas e cobertas, mesmo em época de verão.
Ao regredir me relatou:
"Está tudo escuro, me sinto apreensiva, sinto frio no dorso da mão esquerda (nessa terapia é comum o paciente sentir um frio no dorso da mão pelo fato do ser das trevas -região gélida e escura- pegar em sua mão).
Na verdade, esse frio que sinto aqui no consultório é o mesmo que costumo sentir em casa à noite quando vou dormir (pausa).
Nessa escuridão parece que tem alguém agachado, cobrindo a cabeça com as mãos. Esse ser espiritual das trevas está à minha esquerda não muito longe de mim, menos de dois metros de distância. Ele é um homem, usa uma camiseta, bermuda e calça um chinelo".

- Aproxime-se desse homem - peço à paciente.
Eu me aproximei, agachei-me em frente a ele e peguei em seu braço. Ele está com os braços cruzados, cobrindo o rosto.

- Veja quem é este ser espiritual - peço à paciente.
"A impressão que tenho (paciente intui) é que se trata do meu irmão que a minha mãe abortou (pausa).
Ele diz que se sente revoltado por ter sido abortado, questiona por que, em vez dele nascer, fui eu eu quem nasceu. Falo que não tive culpa, mas que sofri tanto quanto ele que está no umbral (região das trevas), pois captei as suas vibrações negativas de revolta, tristeza, frio, vontade de chorar e muita raiva de minha mãe.
Agora ele descruzou os braços e levantou a cabeça, mas não vejo o rosto dele. Está sorrindo para mim, diz que a minha família vem carregando ressentimento e rancor por várias gerações, que a minha mãe também sente ressentimento de minha avó, mãe dela, pois ela também praticou aborto.
Falou que eu tenho uma força espiritual maior de que os outros familiares. Por isso estou sendo um canal para as crianças abortadas pedirem ajuda.
Na sessão seguinte, a paciente me relatou: "Estou num lugar escuro, feio... Ai!!! alguém picou uma agulha no meu braço!
É um lugar estranho, uma gruta, tem poças de lama, estou caminhando, vejo um lago de brasas, caveiras no chão, parece o inferno (pausa)
Sinto um tremor no olho esquerdo, parece que alguém jogou algo quente. Coloco a mão no olho, me agacho tentando ver se pára de doer, cobrindo-o com a minha mão (pausa).
Parece que tem um vulto escuro bem grande atrás de mim".

- Veja quem é esse vulto escuro, esse ser espiritual - peço à paciente.
Eu não o vejo direito, ele está encapuzado e segura um cajado de madeira na mão. Fala que é ele que espetou o meu braço provocando dor, que eu mereço sofrer".

- Pergunte a esse ser espiritual o que você fez para ele - peço à paciente.
"Diz que eu o prejudiquei. Falo que não lembro".

- Pergunte-lhe de que forma você o prejudicou?- Peço à paciente.
"Você não lembra? Ele me indaga com sarcasmo (pausa).
Ele está agora apontando para o meu ventre e sinto uma dor forte...
A impressão é que ele é a criança que eu abortei. Ele fala que quer que eu sofra da mesma forma que ele está sofrendo nesse lugar, no astral inferior".

- Você quer dizer algo para ele? - Pergunto à paciente.
Eu gostaria de lhe dizer que sinto muito pelo que fiz, porque não tinha condições de ter um filho. Ele grita e diz que isso é injustificável, condenável e agora quer que eu pague por isso (pausa).
Ele está fazendo alguma coisa que me faz contorcer de dor na região abdominal (Paciente fala gemendo de dor).
Queria pedir perdão, não sabia que iria provocar tanta dor e angústia nele. Ele queria que eu o amasse".

- O que você poderia fazer para reparar esse erro? - Peço à paciente.
"Eu gostaria de ter uma chance para a gente ficar junto. Ele grita, diz que quer que eu sofra".

- Pergunte se está valendo a pena ele fazer tudo isso com você - peço novamente à paciente.
"Ele está chorando, diz que o mínimo que posso fazer por ele é orar, mandar luz para ele. Ele me afasta e me joga neste lugar, nas trevas onde estamos".

- Peça para ele pedir ajuda aos espíritos amparadores de luz - peço à paciente.
"Ele está no meu colo chorando e tremendo, parece que está pedindo ajuda. Pergunta por que as mulheres de nossa família fazem aborto. Eu falo que não sei também. Digo que ele vai saber a causa disso no plano espiritual de luz, onde ele vai ser cuidado (pausa).
Vejo agora um monte de seres de luz ao redor dele para ampará-lo. Disse-lhe que ele pode ir com eles (pausa). Os espíritos de luz estão tocando em seu ombro, consolando-o.
Ele está me dizendo que nunca se sentiu tão amparado como agora. Explico para ele que nós nos encontramos aqui no umbral para quebrar o ciclo da prática do aborto em nossa família.
Ele está me dizendo que esses seres de luz parecem legais e que vai com eles (pausa).
Vejo os seres de luz levando-o para um portal de luz, um túnel iluminado. Ele está se despedindo de mim, me agradece por tê-lo ajudado, vejo-o indo embora em direção à luz, junto com aqueles seres.

Estou vendo agora um homem de túnica branca, barba bem cumprida e careca. Ele estende a mão para mim, é o meu mentor espiritual (ser desencarnado diretamente responsável pela nossa evolução e, nessa terapia, é sempre o mentor espiritual de cada paciente que conduz este trabalho, mostrando-lhe a causa de seus problemas e a sua resolução.

Ele sorri e fala para parar de carregar tanta culpa nas costas, e que por conta disso desenvolvi a fibromialgia. Diz que todo o meu sofrimento está chegando ao fim, e que aos poucos vou conseguir ser feliz. Diz também que era esse ser espiritual abortado que estava gerando toda essa culpa e também o meu medo de ter um filho. Fala que graças a Deus conseguimos ajudá-lo, que está contente por eu ter cumprido uma das minhas missões, que era ajudá-lo a sair das trevas. Fala ainda que tenho muito a aprender, e que preciso acreditar mais em mim. Esclarece sobre a fibromialgia e a fadiga crônica, uma parte vinha dessa culpa que carregava e a outra era ele que colaborava para reforçá-la.

Esclarece ainda que o AVC que sofri quando criança, eu mesma que provoquei pela minha rebeldia de não querer reencarnar em missão da vida atual: ajudar o meu irmão abortado a buscar a luz.
No final do tratamento (4ª sessão), a paciente me disse que estava conseguindo dormir melhor e que a raiva, a revolta, a amargura, a insatisfação haviam diminuído de forma consistente. Seu relacionamento havia também melhorado bastante, sua mãe estava conversando com ela de forma mais calma e serena - antes do tratamento só gritava com ela.
Disse também que quando alguém a irritava, automaticamente explodia, perdia a paciência porque estava sempre armada, pronta para brigar. Agora dava uma respirada, deixava para lá e ia fazer outra coisa, pois estava se sentindo mais calma e centrada.


Palestra: Terapia Regressiva Evolutiva em SP
Curso de Formação em T.R.E. em SP

Osvaldo Shimoda é colaborador do Site, terapeuta, criador da Terapia Regressiva Evolutiva (TRE), a Terapia do Mentor Espiritual - Abordagem psicológica e espiritual breve canalizada por ele através dos Espíritos Superiores do Astral. Ministra palestras e cursos de formação de terapeutas nessa abordagem. Ele atende em seu consultório em São Paulo. Fone: (11) 5078-9051, ou acesse seu Site.
Email: osvaldo.shimoda@uol.com.br

Fonte: site somostodosum.ig.com.br

quarta-feira, 4 de março de 2009

O USO DA BANDANA!

Eu assistindo agora o CÂMARA EM AÇÃO, fiquei torcendo pela aprovação da "Bandana", pelo vereador Matos, de Aracaju/SE, com tantos projetos mais importantes para discutir, os vereadores ocuparam dias de trabalho com esse problema sem importância para os cidadãos aracajuanos, a única importância para a "bandana" é para o próprio vereador que fez promessa. Eu estranhei o voto contrário da vereadora Rosângela, na sessão transmitida hoje no programa, ela foi a única que votou contrário a mudança do regimento. Acho isso preconceituoso, os vereadores se reunirem para DECIDIR com que ACESSÓRIO um colega deve participar das sessões. E a vereadora Rosângela que parecia tão sem preconceitos.... estranhei a atitude...
Engraçado também foi em seguida no programa do BARETA, ele apresentar de "bandana" em solidariedade ao vereador.
E Bell, do Chiclete com banana? será que poderia visitar a Câmara de Aracaju? Ele nunca tira a bandana! oh my!

oi

;

COPIE O LINK


Ocorreu um erro neste gadget

ON

Link-me

blog Pictures, Images and Photos" border="0" />

giro pelo mundo

La isla Bonita